CSS Light Web Gallery

Blog

Quarto compartilhado entre irmãos: como decorar

Dividir quarto entre irmãos é cada vez mais comum, especialmente em grandes centros urbanos – onde o metro quadrado dos imóveis é elevado e acaba levando as famílias a morarem em residências compactas. Mas, ao contrário do que muitos pais temem, essa situação não é necessariamente difícil de lidar. Nos casos em que a diferença de idade entre os irmãos não é muito grande (cerca de até quatro anos), o convívio pode fortalecer a relação de ambos, criando laços de afinidade, intimidade e confiança para a vida toda.

É preciso lembrar que os gostos, estilos e necessidades de quem vai habitar o dormitório merecem a mesma importância, afinal, o espaço é deles. Pensando nisso, listamos alguns cuidados essenciais para que a harmonia impere no décor e na organização. Confira:

Neutralidade
Se você não quer arriscar na decoração do quarto partilhado ou não consegue chegar a um meio-termo, aposte na neutralidade geral do cômodo (predominância de tons monocromáticos é sempre uma boa opção nesses casos). Para não deixar o dormitório sóbrio demais, reserve pequenos espaços para que os pertences pessoais imprimam as personalidades deles – como almofadas, pôsteres e quadros, por exemplo.

Quando o ambiente é dividido por irmãos de sexos diferentes, muitos pais optam por equilibrar a decoração com tons de azul e cor-de-rosa. Essa fórmula ainda funciona, mas pode acabar limitando a criatividade.

Mais cores
Uma solução bastante eficiente para unir beleza e funcionalidade é escolher acessórios organizadores que ajudem a simplificar o dia a dia dos irmãos e dar um charme a mais ao dormitório. Instalar um ‘cantinho office’, por exemplo, é perfeito para estimular a rotina de estudos de crianças e adolescentes. Para não deixar com cara de escritório, escolha aéreos componíveis em cores como amarelo e azul, acrescentando uma proposta lúdica.

Cada qual com seu cantinho
Quando os irmãos estão em idades muito diferentes, é preciso compreender que cada um precisa de um espaço apropriado. Como nem sempre é possível mudar para um lar maior, o jeito é setorizar o dormitório e reforçar as lições de privacidade. No lado da criança, mantenha o décor mais lúdico e divertido, com personagens de animações ou artistas mirins. Já no setor do adolescente, prefira manter a neutralidade para que o jovem possa customizar conforme seu estilo no decorrer dos anos (aqui vale novamente a dica de usar acessórios facilmente substituíveis para decorar, assim se torna mais fácil e econômico trocar a decoração).

Otimize espaços
Seja entre crianças, seja entre adolescentes, o quarto partilhado deve ter cada espacinho otimizado para ganhar amplitude e contribuir para o convívio e a organização dos irmãos. Por isso, aposte em soluções como móveis planejados, acessórios organizadores para armários, iluminação adequada e cores claras.

Leia também:
- Escada tubular figura em dormitório infantil
- Como manter o quarto limpo
- Closet ou guarda-roupa: qual a melhor opção?

Você pode ajudar outras pessoas com esse conteúdo. Compartilhe-o em suas redes sociais!

Compartilhe:

Galeria de Imagens